ÍNICIO . SOBRE . TAGS . BLOGROLL . CONTATO

Capítulo 6 - Fora das celas - O Amor Não Aceito

10/19/2014

O Amor Não Aceito
Heeey ~~
Como vai você? Eu estou depressiva, amanhã é segunda e volta a escola tudo de novo </3 Uma semana de pura maravilha não sera esquecida tão cedo </3 chorando até amanhã </3

Mas sem depressão neste post, trago hoje a vocês o sexto capítulo da fic, espero que gostem e obrigado por ler <3

+


Anteriormente:

Nós entramos naquela porta, que não era como as normais, ela era bem maior e cabia três de mim uma encima da outra, era escuro e sujo, fomos andando por algum tempo até que encontramos um ponto de luz ...

– Siindell o que faz aqui?

– Papai? – O que rei Goustavo, uur, meu pai faz aqui? – O que faz aqui?

– Eu pergunto o mesmo, o que faz aqui filha?

– P-papai eu vim aqui buscar minha bola, ela cai aqui dentro!

– ... O que Lysandre faz com você?

– Eu pedi para que ele me acompanhasse, este lugar não é muito agradável para se visitar sozinha!

– Senhor Lysandre, o que o senhor veio fazer aqui com minha filha?

– M-majestade e-eu ... – Eu interrompo sua fala

– Pai, ele veio me ajudar a procurar a bola, o senhor já deve saber que sou muito ruim para achar coisas!

Ele olha para alguns seguranças e fala algumas palavras na qual eu não entendi, parecia ser uma língua nova na qual nunca ouvi.

*sussurando*

– Lysandre o que ele disse, você sabe?

– Princesa Siindell ...

– Siindell, Lys, apenas Siindell! – cabei falando isto um pouco alto, o segurança olhou rapidamente para mim com cara de desconfiado.

– Siindell, eu não falo fluentemente mas eles estavam falando na língua Ytreu, tradicional neste reino, pelo que consegui entender Rei Augustus disse para este segurança para nos levarmos a um “local seguro”

– Local seguro? Longe de Castiel?

– Provavelmente!

– Senhor! – O segurança olha para mim novamente.

– O que foi princesa Siindell?

– Acho que minha bola não caiu aqui, poderia me levar para o outro lado?

– Princesa Siindell, normalmente coisas não caem naquele local!

– Por favor senhor, é muito importante, pode ter certeza que se o senhor fazer o que eu pedir será muito elogiado por Goust ... Meu pai!

Ele fica uns minutos pensando, até que nos leva até o local oposto que consegue ser bem pior que a própria caverna. Sujo, fedido e úmido o local era horrível!

– O senhor não precisa ficar aqui, vá eu sei que tem coisas mais importantes!

– Seu pai, rei Goustavo disse para não lhe deixar sozinha!

– O senhor poderia pelo menos se afastar um pouco? Não estou e sentindo muito a vontade, que tal esperar na entrada?

– Mas o rei ...

– Esqueça, ele não está aqui eu estou lhe pedindo, por favor!

Ele se retirou dali, assim eu e Lysandre podemos encontrar Castiel sem problemas.

– Ali Lysandre, acho que Castiel está atrás deste portão. – Aponta para um portão velho preto e com lanças nas pontas.

– Não acha que se abrirmos irá fazer barulho?

– Não se abrirmos com cuidado! – Fui em direção ao portão e segurei no portão, Lysandrre fez o mesmo

– Você aguenta? Ele é bem pesado!

– Sim, não sou uma garotinha! – dou um sorriso para Lysandre.

Com toda nossas forças puxamos o portão para cima e o abrimos levemente.

– Conseguimos! – Dou um abraço em Lysandre, feliz por termos conseguido!

– S-sim ! – Lysandre ficou corado assim como eu.

Entramos naquele local, era horrível, havia celas com pessoas em estado de decomposição mortas a anos, o cheiro era enjoativo e a visão não era nada agradável, enquanto andávamos por aquele corredor a procura de Castiel encontramos um pedaço de tecido da mesma cor da roupa que Castiel estava usando.

– L-lysandre ... – Lysandre olha para o mesmo local que eu e vê Castiel, amarrado caído no chão completamente machucado

POV Castiel

Estou ouvindo algumas vozes, parece as de Siindell e Lysandre, não, não pode ser! Como poderiam vir aqui?

– Castiel? – Alguém toca o meu rosto

– Han? – Abro meus olhos, está um pouco embaçado minha visão mas consigo ver uma pessoa – Quem é você?

– Castiel, sou eu Siindell!

O que Siindell faz aqui? Como chegou aqui? Será que foi castigada por seu pai?

– Siindell o que faz aqui? – Agora já consigo enxerga-lá nitidamente, ela está perfeitamente bem.

– Castiel você está muito machucado !

POV Castiel

Começo a tirar as cordas que estavam prendendo as mãos e os pés de Castiel

– Castiel ! – Dou um abraço forte nele, ele parecia tão tenso, com medo.

– Siindell você veio aqui sozinha? – Quando terminava de completar a frase Lysandre chega com uma garrafa de água

– Lysandre está junto comigo – Pega a garrafinha e lhe dá

Após beber toda a água que continha na garrafa ele pergunta:

– Porque veio aqui Siindell?

– Castiel ... Você não é culpado por nada, eu não poderia deixa-lo sofrer mais por minha culpa!

Lysandre ajuda Castiel a levantar, eu seguro um braço e Lysandre outro.

– Siindell e os guardas?

– Darei um jeito Lysandre!

Com muito esforço fomos levando Castiel até a saída daquele local.

– Princesa Siindell, o que a senhorita faz com este prisioneiro?

– Este prisioneiro é meu amigo, eu o amo muito, e não vou deixa-lo aqui neste inferno, e você não precisa contar a meu pai ... Eu mesma faço isso!

Fomos levando Castiel até meu quarto e o colocamos na cama.

– Lysandre, fique aqui com Castiel, vou pegar comida para Castiel, mantenha está porta fechada!

– Tenha cuidado Siindell!

– Vou ter, Lys.


Enquanto corria por aqueles corredores incrivelmente grandes me esbarro na pessoa que eu não queria nunca mais ver, nunca!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Olá terráqueo!
Aqui você pode comentar sobre o post, o que achou dele: legal, chato, util etc
As críticas são bem-vindas no entanto que elas sejam construtivas!

Comente o link do seu blog, irei retribuir.

Obrigado por comentar, isso significa muito para nós!!


▼ ★ ☆ ♥ ♡ ☮ ☯ ☀ ☾ ☽ ❄ † ▲

Young Witch © 2016 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!